Cabelos Curtos

 

Os cabelos curtos apresentam uma enorme variedade de penteados e são fáceis de manter e de cuidar – o ponto crucial no momento da decisão. Dos mais tradicionais aos mais radicais e modernos, os cabelos curtos estão a ser cada vez mais testados e ao serem testados passam a ganhar o voto das mulheres.

A primeira etapa da escolha do penteado curto normalmente não apresenta quaisquer dificuldade, porque primeiro, somos bastante influenciadas pelas tendências ditadas pela moda, e segundo, a ideia de mudar de style não aparece do nada, nem cai do céu. Normalmente vem associada a algum fenómeno ou a alguma imagem que nos pareceu muito próxima. Se não estiver segura de como irá funcionar a sua ideia na realidade, procure em revistas de moda ou especializadas em cortes de cabelos curtos e diferentes tipos de penteados de cabelo. De seguida, compare os traços de rosto da modelo com os seus e deixe-se levar pelo profissionalismo das editoras e pelo seu sexto sentido. Visto que a escolha do penteado é um processo criativo, torna-se necessário juntar-lhe o máximo da imaginação e de ânimo do seu mundo interior para obter a máxima expressão da sua individualidade, reflectindo com isso a sua personalidade. Finalmente o cabeleireiro, se for experiente e competente, pode sempre ajudar na escolha. Ele pode aconselhar nos pequenos detalhes e dar opinião conforme a imagem que está perante ele. Contudo é muito raro encontrar um cabeleireiro que vá contra os pedidos do seu cliente, por isso temos que ter claramente explicitas as nossas ideias antes de nos cruzarmos com a porta do cabeleireiro.

As três principais questões são: modelo, cor e efeito. Isto é:

  • Qual é o corte que deseja experimentar: clássico, sensual ou exuberante?
  • Qual é a cor que quer obter: a natural ou recorrer a pintura de loiro, escuro ou com sombras de vermelho?
  • Qual é o efeito que deseja produzir: anima-lo, surpreende-lo ou simplesmente mostrar que lhe pertence fielmente?

Obviamente, os gostos devem coincidir com o estilo de vida que cada um leva. Mas a verdade seja dita, uma mulher que arriscou cortar o cabelo curto (neste caso estou me a referir aos penteados mais ou menos à medida das orelhas) desafia o mundo para que este se lance a descobrir as suas outras qualidades, tanto físicas como psicológicas. Fisicamente é mostrar as curvas sensuais do pescoço e dos ombros, fazer sobressair mais o olhar e os traços do rosto. Psicologicamente, essa mulher também tem muito a dizer, ou melhor, declarar. Trata-se especialmente da sua força, sucesso, experiência e maturidade. Cabelos curtos, porque não?